Veleiros da Regata “Les Sabes/Horta/Les Sables” já navegam rumo ao Faial

A Regata “Les Sables/Horta/Les Sables” partiu este domingo, dia 30, da cidade francesa de Sables D'Olonne rumo ao Porto da Horta, estimando-se que os primeiros veleiros cheguem ao Faial no dia 06 de Julho.

São 13 os barcos envolvidos na 7ª edição desta prova, que liga as cidades de Sables D’Olonne e Horta.

Destinada à Classe40 pés, a Regata é disputada por equipas de dois tripulantes, com troca de tripulações no Faial.

O regresso a Sables D’Olonne está programado para 12 de Julho.

De realçar que esta é a 3ª Regata a visitar o conhecido Porto faialense em 2019. A primeira foi a Regata Internacional “Le Défi Atlantique”, Class40, tendo o itinerário sido Guadalupe/Horta/La Rochelle.

Seguiu-se o ‘Rally’ “ARC Europe”, que há mais de 30 anos visita demoradamente o Faial.

No conjunto das 5 regatas internacionais destinadas à Horta em 2019, inclui-se, também, a Regata “Douarnenez/Horta/Douarnenez”, que escalará o Porto faialense pela primeira vez este ano. Destinada à Classe IRC, tem partida de França marcada para o dia 26 de Julho. Prevê-se que a chegada aconteça no dia 02 de Agosto, em pleno Festival Náutico da Semana do Mar.

Na mesma data é esperada na Horta a frota da Classe Fígaro da Regata Dournenez/Horta/Douarnenez” em solitário, que será disputada por embarcações da Classe Fígaro III. Esta Regata sai de França também a 26 de Julho.

 O Clube Naval da Horta (CNH) – que integra a Comissão Náutica Municipal – desempenha um papel de co-organizador nestas iniciativas, assegurando, no plano técnico, as chegadas e largadas, o apoio logístico necessário na área das comunicações e outras, a preparação dos prémios de etapa e a colaboração na recepção geral de cada regata.

Todas estas Regatas Internacionais que visitam o Porto da Horta, funcionam como um forte meio promocional da Cidade da Horta: Capital Oceânica do Iatismo; da Baía da Horta: uma das Mais Belas do Mundo e da Marina da Horta que, ao nível daquelas que recebem navegação ao largo, é a 1ª da Portugal, a 2ª da Europa e a 4ª do Mundo, sendo largamente conhecida como apeadeiro do Mundo, atendendo à panóplia de nacionalidades que acolhe e cujos testemunhos estão patenteados nos registos murais deixados neste grande museu ao ar livre.

Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.